Recém-saído do governo Bolsonaro, Paulo Uebel deve ser ‘supersecretário’ na campanha de Filipe Sabará

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – Ex-secretário Especial de Desburocratização do Ministério da Economia, Paulo Uebel se juntará à pré-campanha de Filipe Sabará (Novo) à Prefeitura de São Paulo. O mais provável é que ele seja uma espécie de ‘supersecretário’, responsável pelos temas nos quais se especializou e que fazem parte da cartilha liberal do partido: gestão, reformas e desburocratização. Uebel e Sabará passaram o final de semana juntos em Porto Alegre e em Gramado, no Rio Grande do Sul, onde comemoraram o aniversário do pré-candidato. Procurados pela reportagem, ambos não quiseram se pronunciar. Eles foram secretários municipais em São Paulo e saíram frustrados da administração com a troca de João Doria pelo então vice Bruno Covas, ambos do PSDB. Eles gostariam de retomar projetos que consideram que não foram concluídos com a troca de prefeito na capital. Uebel deixou o governo federal no mesmo dia que Salim Mattar, que era secretário de Desestatização. A exoneração dos dois foi publicada nesta terça-feira (18). Mattar entregou o cargo com críticas à dificuldade de privatizar e conceder bens públicos, como tem destacado em entrevistas. Uebel saiu incomodado com o ritmo da reforma administrativa, mas não se pronunciou desde então.

Deixe um comentário