Natel vence Marco Aurélio Cunha e será candidato à presidência no São Paulo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Roberto Natel será o candidato da oposição na eleição para presidente do São Paulo. Ele venceu Marco Aurélio Cunha, em convenção virtual realizada na tarde deste sábado (15), com 60% dos votos. Os dois já tinham disputado o primeiro turno, que ocorreu entre a madrugada e a manhã -Natel e MAC avançaram à decisão, depois de vencerem Sylvio de Barros. Os dois finalistas já anunciaram o resultado, e Marco Aurélio deu seu apoio ao escolhido pela chapa “Resgate Tricolor”. “Nós do ‘Regaste Tricolor’ anunciamos o resultado, o Roberto (Natel) teve 60% da votação, eu tive 40% da votação. Cumprimento o vencedor, desejo toda a sorte e que a gente possa reconstruir o São Paulo. Estarei disponível no que for necessário e que a gente reconquiste o que o São Paulo sempre foi. Boa sorte, Roberto. Fiz minha parte, agradeço a quem confiou em mim e que agora passe a confiar no Roberto”, afirmou Marco Aurélio. “Obrigado aos conselheiros que votaram, a todos que participaram. Agradecer ao MAC, um homem forte no São Paulo Futebol Clube. Espero que o MAC esteja comigo lá na frente, quero conversar com você, para juntos a gente fazer o são-paulino voltar a sorrir”, acrescentou Roberto Natel, vencedor da disputa. Natel vai disputar a eleição presidencial marcada para dezembro, ainda sem dia definido. Ele será o rival de Julio Casares, da chapa “Juntos pelo São Paulo”. De acordo com o estatuto do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, não pode concorrer à reeleição. O dirigente vai se manter neutro no processo eleitoral. Houve neste sábado uma reunião extraordinária do Conselho Consultivo do São Paulo, em que foram indicados 26 nomes para a eleição de conselheiros vitalícios do clube. O grupo foi amplamente dominado por integrantes da chapa de Casares: 24, contra apenas 2 dos políticos ligados a Roberto Natel -eles vão disputar dez vagas. Esta é uma primeira etapa de seleção, mas serve como indicativo da força do candidato do grupo “Juntos pelo São Paulo”. A eleição presidencial no clube é feita a partir dos votos de seu Conselho Deliberativo.

Deixe um comentário