Botafogo é dominado, mas arranca empate com RB Bragantino na estreia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O Botafogo estreou nesta quarta-feira (12) no Campeonato Brasileiro. O time foi dominado pelo RB Bragantino, que abriu o placar e perdeu várias outras oportunidades de ampliar. No fim, os cariocas arrancaram empate por 1 a 1 e ficaram satisfeitos com o resultado, já que mandou o time para a defesa. Alerrandro e Matheus Babi marcaram os gols. Com um jogo a menos, o Botafogo soma o primeiro ponto na competição. O time alvinegro encara o Fortaleza, no domingo, no Castelão. O RB Bragantino, por sua vez, tem o segundo empate em dois jogos. O time visita o Bahia, em Salvador, no domingo. O Bragantino iniciou a partida partindo para cima do Botafogo. Não demorou muito para fazer jogada envolvente e abrir o placar. Após troca de passes, Arthur recebeu cruzamento e ajeitou para Alerrandro fuzilar Gatito Fernández. Mesmo em vantagem, o time de Bragança seguiu em cima e por pouco não ampliou – o autor do gol voltou a acertar a trave. Por outro lado, o Botafogo apresentava um problema crônico no seu lado direito de defesa. Com Barrandeguy e Rhuan perdidos no setor, o RB Bragantino chegava com facilidade por ali. Principal porta de entrada, mas não a única. Os donos da casa se aproveitaram do péssimo momento dos cariocas na partida para tentar ampliar. O Alvinegro tentava se reencontrar em campo, mas passou boa parte do primeiro tempo correndo atrás do adversário. O único bom momento foi um chute de Luis Henrique. O Bragantino não manteve a boa atuação no segundo tempo e deixou o Botafogo respirar. Com Rhuan mal em campo, Paulo Autuori decidiu lançar Guilherme Santos no meio de campo. O jogador entrou bem e deu nova dinâmica ao time. Em uma escapada em velocidade, ele ganhou dividida e cruzou na medida para Matheus Babi, o Babigol, deixar sua marca aos 19min. Após o gol de empate, o Botafogo mudou a forma de jogar. Lançou três zagueiros, com a entrada de Rafael Foster no lugar de Honda, e passou a apostar nos contra-ataques. Apesar de algumas boas chances para virar, o time acabou sendo pressionado, mas segurou o empate na sua estreia no Campeonato Brasileiro. RED BULL BRAGANTINO Cleiton; Aderlan (Weverton), Léo Ortiz, Fabrício Bruno, Edimar (Bruno Tubarão); Ricardo Ryller (Ytalo), Matheus Jesus, Claudinho; Artur, Alerrandro, Morato (Weverson). T.: Felipe Conceição BOTAFOGO Gatito; Barrandeguy (Kevin), Marcelo, Kanu, Victor Luis; Caio Alexandre (Luiz Otávio), Honda (Rafael Forster), Bruno Nazario, Luís Henrique, Rhuan (Guilherme Santos); Matheus Babi. T.: Paulo Autuori Estádio: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP) Juiz: Andre Luiz de Freitas Castro (GO) Cartões amarelos: Ricardo Ryller, Matheus Jesus, Fabrício Bruno (Bragantino); Matheus Babi (Botafogo) Gols: Alerrando, aos 5min do 1º tempo (Bragantino); Matheus Babi, aos 19min do 2º tempo (Botafogo)

Deixe um comentário